domingo, 11 de dezembro de 2011

#41

mais uma.

-

estamos aqui
juntos

eu e você

não poderiamos estar
em nenhum outro
lugar

ninguém vai escrever
a nossa história

somos dois perdidos
esquecidos pela
humanidade

a cidade está em chamas
criminosos estão a solta
marginais perambulam
prostitutas se desesperam

e nós estamos aqui
juntos

eu e você

não acredite em nada
e não faça promessas

este é o fim de nossas vidas.

-

é isso.

3 comentários:

  1. poxa, moço... bonita poesia (e autor também).

    ResponderExcluir
  2. Suas poesias se encaixam com minhas melodias. Gostei! =)

    ResponderExcluir
  3. Pedro, gostei demais das suas poesias. Estou montando um blog onde pretendo escrever sobre os melhores poetas que encontro na internet. Você é um deles. Se puder, me mande um alô e a gente conversa melhor sobre isso: ariel.legrand@gmail.com.

    ResponderExcluir